ACMA: ESTAMOS A MATAR O PLANETA


ACMA

Nós estamos a matar o mundo e, consequentemente, estamos a matar-nos a nós mesmos. É sobre isso que este post fala: sobre o planeta, sobre nós, sobre o futuro. Aqui vão encontrar não só a minha opinião pessoal sobre o assunto, a forma como estamos a destruir o mundo, como também alguma pesquisa que fiz.

Com tudo o que está a acontecer na atualidade - relativamente a desastres naturais ou provocados pelo Homem -, há muito sobre que falar, e sendo o futuro o tema destes dois meses do ACMA, não pude deixar de escrever este post e partilhar a minha opinião sobre o que estamos a fazer de errado e qual será o futuro do planeta ao qual chamamos casa, caso continuemos assim. Tenho muito sobre que falar: a poluição, o excesso de caça, as guerras e o quão tudo isso afeta a Terra, a vida nela e dela; no entanto, hoje vou centrar-me maioritariamente na questão da poluição, não deixando de mencionar o aquecimento global e a culpa que temos nisso.

Recentemente, tenho tomado muito mais atenção aos acontecimentos no mundo e sinto-me cada vez mais impotente, como se não pudesse fazer nada para acabar com as quebras de gelo nos glaciares ou com os fogos que teimam em queimar Portugal e outros países. E não há, realmente, nada que possa fazer para que esta destruição termine; há, no entanto, forma de a abrandar.

              ACMA

O ser humano tem tendência para se destruir a si próprio e ao que o rodeia e, com a sua evolução, o planeta tem vindo a morrer mais rápido do que o esperado, prova disso é o estado agravado em que o solo se encontra em variados locais, a falta de água doce e os gases emitidos que têm vindo a abrir o tão falado buraco na camada de ozono - sendo essa a causa maioritária do aquecimento global, que tem levado à desintegração de glaciares, excesso de fogos, secas, extinção de seres vivos e até alterações climáticas. Muitos dos fenómenos conhecidos como tempestades ou furacões estão, também, muitas vezes associados ao aquecimento global - preciso mencionar as "tempestades secas" que se deram em Portugal ou os furacões que têm recentemente atacado a costa do continente Americano?

Pesquisas cientificas anunciam que, nos últimos 60 anos, os níveis de oxigénio têm diminuído, em contraste com o excesso de dióxido de carbono no ar e nitrogénio nos oceanos, o que mostra a rapidez do crescimento da poluição da atmosfera. Nunca fui muito interessada em ciências, mas não é necessário ter conhecimentos na área para saber, através destes dados, que mais cedo ou mais tarde o planeta não poderá mais ser habitado devido à falta de oxigénio. Nestes últimos anos as indústrias evoluíram imenso e, consequentemente, de dia para dia, o número de pessoas com carro aumenta, tal como o uso desnecessário de água e produção de compostos químicos pelas fábricas que se espalharam por toda a atmosfera e, consequentemente, todo o mundo, o que não só tem causado problemas com o ambiente, mas tem também aumentado o número de espécies extintas, seja por inalação excessiva de gases ou pelo drástico aumento de temperatura no local.                        

ACMA

Pessoalmente, penso que se todos nos preocupássemos um pouco mais com o planeta, teríamos um ambiente muito mais limpo e sano e a verdade é que a salvação da Terra pode ser feita através de passos muito simples; como diriam, um pequeno passo para o homem é um grande passo para a humanidade e o mesmo se aplica aqui. Não é difícil separar o lixo todos os dias, fechar a torneira quando não se está a utilizar a água, apagar as luzes da nossa casa quando não são necessárias, andar mais a pé, de bicicleta ou transportes públicos; até mesmo quando se vai comprar um carro, o cliente pode optar pela opção mais ambientalista; no entanto, a nossa sociedade está ocupada demais em importar-se especialmente com aparências, dinheiro e títulos, limpam as suas casas e, muitas vezes, esquecem-se de limpar algo ainda mais importante, as ruas.

Por isso mesmo, e para que todos possamos viver num ambiente mais limpo, cabe a cada um de nós fazer algo simples e que pode ajudar a salvar o planeta, pois uma pessoa só pode não conseguir fazer muito no que toca no melhorar do ambiente, mas se cada um fizer um pequeno gesto, é uma grande ajuda. É preciso que todos entendamos o que se passa com o nosso planeta e que façamos algo ou o planeta pode realmente acabar por morrer.

ACMA
Utiliza a política dos três R's: Reduzir, Reutilizar, Reciclar! Nos dias de hoje o que não faltam nas ruas são ecopontos de reciclagem para papel, plástico, vidro, pilhas e até eletrodomésticos; e o que não falta na internet são ideias para reutilizar todo o tipo de coisas, desde garrafas de plástico a roupas.

Sobre o projeto A Cultura Mora Aqui

Criado pela Ju, do blog Cor Sem Fim, o projeto A Cultura Mora Aqui - ou ACMA, para abreviar - tenciona trazer a cultura de volta à internet com temas bimestrais. Para participarem, só têm de enviar um e-mail com os vossos dados para acma.cultura@gmail.com - aproveito para repetir que não vamos falar sobre outfits, maquilhagem, moda, etc, e que qualquer um de vós pode participar, não sendo obrigatório fazê-lo todos os meses. Para não perderem nenhum post, já podem seguir a página do ACMA no facebook e/ou ler a nossa revista digital.




You Might Also Like

2 comentários

  1. Talvez dos melhores posts do ACMA que já li, sem menosprezar os outros bloggers claro, eles e elas são espetaculares à sua maneira.
    Não há muito que possamos fazer enquanto seres individuais num canto, face às injustiças a nível global, só nos juntamos globalmente e lutar é que seremos mais fortes. Há tantas alternativas para mudar o nosso estilo de vida porque não levar isso a sério?
    Gostei muito, a sério
    Beijinhos
    https://escritalhadaa.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Deixa aqui o teu comentário com a tua opinião sobre o post, de modo a que eu possa melhorar o Primavera Estacional.

Deixa também o link do teu blog para eu passar por lá!