Dás-te Com As Mesmas Pessoas, Mas As Mesmas Pessoas Já Não Se Dão Entre Si




Hoje dei por mim a pensar e reparar na quantidade de coisas que acontecem e mudam durante um único ano. Amizades e relações são feitas e desfeitas e, de repente, parece que tudo muda sem mudar.

Dás-te com as mesmas pessoas, mas as mesmas pessoas já não se dão entre si, por quaisquer que sejam as razões. Zangas, costas viradas, corações partidos... E tu no meio de tudo e no meio de nada. Pelo menos as confusões não são contigo! Mas vês como as coisas são? Aqueles que tão depressa se tornaram nadorados, já não o são, e agora partilham lençóis lavados com outros amores. Amores esses que deixaram corações fortes e inocentes despedaçados para trás, só para se tornarem eguístas e atentos àqueles que magoaram os que lhes eram mais queridos no passado.

Mas se é amor, não se pode julgar. Não trocam carinhos à frente de ninguém e pensam que os outros não vêm as suas românticas trocas de olhar; mas todos sabem e todos falam. Afinal parece que já nada vai contra as regras morais, mas se fosse ao contrário elas já estavam mortas. Já se sabe, zangam-se as comadres... No entanto, a sorte é que por aqui parecem todos muito compreensivos e amigáveis, vamos ver no que isto dá.

Por outro lado, nas amizades não há grandes mudançaa. Pelo menos naquelas em que ela não toca e em que não tem nada que dizer. Já nas dela... Como é que é possível? Como raio é que é possível, uma única pessoa, causar tanta agonia? Destruir relações e amizades de anos em meros segundos, com mentiras e palavras falsas. Para quê? Porquê? É incrível perceber agora que tudo o que se deu é culpa de uma só pessoa, uma única pessoa que, num ano, fez e desfez laços, partiu corações e fez com que arrancassem outros tantos.

Tenho pena, a sério que sim, mas é bom saber que nem todos têm boas intenções e que, por vezes, podemos confiar na nossa intuição. Nem todos somos maus, mas temos que nos lembrar que também nem todos somos bons e, para esses, temos apenas que fazer o nosso melhor e confiar.


You Might Also Like

0 comentários

Deixa aqui o teu comentário com a tua opinião sobre o post, de modo a que eu possa melhorar o Primavera Estacional.

Deixa também o link do teu blog para eu passar por lá!