Resoluções Para 2018


Resoluções

Olá a todos,
decidi por bem fazer uma pausa nos estudos e trazer-vos, hoje, uma publicação, já que nos encontramos num novo ano. Inicialmente, queria fazer uma lista com os tal doze desejos ou doze resoluções para 2018, tudo pelo conhecido "ano novo, vida nova", mas a verdade é que não tenho muito que pedir, e descobri isso tanto ontem à noite, enquanto o relógio batia as tão esperadas 12 badaladas e o céu se enchia de fogo-de-artifício, e quando há uns dias planeava fazer este post e escrevia aquilo que queria para os próximos 365 dias.

Todos os anos, à meia-noite, pego em passas, amendoins ou o que seja e peço os doze desejos, se não mais, mas este ano foi diferente. Não pedi nem um desejo. Não porque me tivesse esquecido, mas sim porque quando vi o céu iluminar-se de todas aquelas cores senti algo, senti que ia mudar, que, de certa forma, haviam novas oportunidades à minha espera e que este ia ser um ano realmente bom e cheio de surpresas; como se tudo o que se tivesse passado em 2017 tivesse realmente ficado lá, e como se me tivessem tirado um peso de cima dos ombros.

Talvez seja tonto, até porque todas as pessoas dizem quem um novo ano significa mudanças e há quem verdadeiramente acredite alguns anos estão amaldiçoados (e oh, 2016 esteve, 2017 melhorou um pouco mas, já agora, que 2018 nos traga o melhor!), mas uma vez li algo que referia que o tempo é apenas um conceito criado pelo homem, um número que nos ajuda a controlar as nossas vidas e que, cientificamente, nem sequer existe - e eu pus-me a pensar nisso. A noite de passagem de ano é apenas mais uma noite que todos festejamos, e uma altura em que todos esperamos que a nossa vida muda, uma altura em que fazemos promessas, promessas essas que muitos de nós quebramos logo de início; essa é a minha visão e, de certa forma, é realmente a verdade. No entanto, acredite-se ou não, sinto-me realmente diferente e como se algo ao meu redor fosse mesmo mudar, para melhor.

A mudança é, geralmente, uma coisa boa - ou pelo menos espera-se que seja -, e é por isso que todos temos resoluções quando iniciamos um novo ano mas, o que muitos não fazemos, é analisar a nova vida atual e pensar onde estávamos o ano passado, não só fisicamente mas também como crescemos mentalmente e aquilo que evoluímos enquanto seres humanos. Há pouco, enquanto estudava, estava a ouvir música e começou a tocar uma canção sobre querer sair daqui e ir para um lugar onde ninguém me conhecesse, e relembrei-me que eu mesma já me senti assim, lembro-me de pensar que estava demasiado stressada e farta e que tudo o que queria era começar de novo, num lugar onde eu não conhecesse ninguém e ninguém me conhecesse a mim, e após me perguntar a mim mesma o que realmente quereria hoje, se tivesse a escolha, cheguei à conclusão que eu optaria por ficar. E é por isso que o tempo é bom, e importante, porque nos fazer perceber o quão crescemos e mudámos.

Não controlamos o tempo, até porque ele apenas passa, mas podemos, pelo menos, tentar controlar as nossas vidas. Como disse, não tenho muito que pedir este ano, além do clássico ganhar o euromilhões (já agora) mas, e para começar bem o ano, o melhor mesmo é pôr já as cartas todas em cima da mesa, dizer aquilo que quero, e aceitar que, se conseguir atingir pelo menos metade das metas que tenho abaixo registadas já é muito bom. Já me conhecem, falo muito mas não faço nada e, apesar de estar a tentar mudar isso, as coisas comigo levam tempo. Mas veremos no final do ano como as coisas correram, não é?

Escrever Um Livro
Este é, por certo, um sonho que tenho já há muito tempo. Adoro escrever e imaginação é o que não me falta. Lembro-me de gostar de o fazer desde muito pequenina, até porque tenho uma pasta cheia de folhas com histórias e poemas que escrevia quando era mais pequena e, apesar de já ter escrito algumas histórias grandes o suficiente para lhes dar o nome de livro, acredito que consigo fazer bem melhor e, quem sabe, até publicá-las.

Melhorar O Blog
Melhorar o blog era um ponto que já estava na minha lista de resoluções para 2017 e que, já lá bem mais para o fim do ano, acho que se começou a realizar. Este ano gostava que o Primavera Estacional evoluísse mais, tanto em termos de qualidade como de quantidade, e que a minha escrita melhorasse de modo a que as publicações sejam mais completas e interessantes.

Perder Peso
Eu sei. Parece aquela velha história do "vou fazer dieta e começar a ir ao ginásio todos os dias", mas eu nem sequer ando no ginásio! Na verdade eu não tenho peso a mais, no entanto gostava de perder um pouco de peso para que pudesse sentir-me verdadeiramente à vontade e confiante comigo mesma. Claro que vou tentar reduzir no açúcar e até já contactei um ginásio para saber de preços; mas quem é que acredita que eu vou conseguir realizar isto?

Fazer Um Estágio
Pode até parecer estranho eu colocar isto na minha lista de resoluções para 2018, mas encontro-me no segundo ano da universidade e o meu curso não tem nenhum tempo específico para que os estudantes possam estagiar, o que, num curso como o meu - Línguas e Literaturas: Ramo de Línguas e Turismo -, dava muito jeito. Apesar de ainda não ter tentado contactado nenhuma empresa para este feito, o facto de não ser um estágio apoiado pela universidade pode implicar uma procura mais difícil da minha parte, visto que podem haver certas entidades a não quererem aceitar.

Estas são as metas que quero atingir este ano. Disse-vos que eram poucas, muito poucas, mas isso não me incomoda, porque significa que estou bem na vida, e que não anseio por muito mais. Sei que vou ter que trabalhar muito para conseguir realmente cada um destes pontos, mas estou pronta para isso.

E como disse uma amiga minha ontem, no meio de uma multidão e momentos antes de alguém atirar um copo cheio de um liquido qualquer ao ar que me caiu em cima, que 2018 seja o nosso ano, já que 2017 foi o deles!

You Might Also Like

3 comentários

  1. ihihihi, eu para acabar o ano em grande comecei por melhorar o blog, perder peso (praticar exercicio com regularidade) também é uma das minhas metas!!! Aconselho-te vivamente a fazeres um estágio, já fiz dois, no qual um correu Às Mil maravilhas, e que fico com recordações maravilhasticas e em que criei laços com os 'mestres', eles foram um exemplo em pêras e o outro deu para o torto, ....but nada que se ultrapasse!!!
    Quando escreveres o livro partilha 😉
    Beijinhos e um bom ano,

    call-me-pestana.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quero mesmo fazer! Fizeste os teus estágios em quê?!

      Eliminar
  2. Eu acredito que vais conseguir perder peso e até te posso ajudar nisso :) alias, acredito que conseguirás atingir todas essas metas e mais algumas, basta acreditares também tu de que isso é possível! Beijinhos

    ResponderEliminar

Deixa aqui o teu comentário com a tua opinião sobre o post, de modo a que eu possa melhorar o Primavera Estacional.

Deixa também o link do teu blog para eu passar por lá!